A revelação do Campeonato Brasileiro de 2017’, o meia-atacante Clayson realizou, nesse domingo (10), em Botucatu, interior de São Paulo e sua cidade natal, um jogo beneficente ‘Amigos de Clayson’ no estádio Municipal ‘Dr. Acrísio Paes Cruz” onde tiveram vários torcedores e, claro, corintianos em peso.

Com a presença de vários jogadores como companheiros dos clubes em que ele passou, como Ituano e Ponte Preta, e do atual clube, o Corinthians, Clayson pode relembrar histórias e jogar ao lado de alguns amigos de infância que jogavam com o camisa 25.

“É gratificante voltar para essa cidade de rever amigos daqui que jogaram salão comigo, amigos de infância, e amigos que eu fiz na bola. Mas o principal é arrecadar toneladas de alimentos para as famílias necessitadas nesse final de ano com um jogo solidário”, acrescenta o meia campeão brasileiro de 2017.

Clayson deu total atenção a todos os fãs e distribuiu muitos autógrafos (Guilherme Dorini)

Ele também comentou que foi um dia que ele nunca irá esquecer. “Foi importante demais e será um dia que ficará marcado na minha história e na minha vida. Espero poder fazer mais vezes. Que o povo de Botucatu abrace a ideia e a gente poderá ajudar cada vez mais para que a cidade fique ainda mais feliz”, completou.

Um dos grandes ídolos do Corinthians e da Seleção Brasileira, campeã em 70, o ex-lateral José Maria, que também é de Botucatu, iniciando em 1963, esteve presente no evento e deu o pontapé inicial da partida beneficente.

Clayson recebe das mãos de Zé Maria, campeão paulista em 77, o prêmio de revelação 2017 (Gazzeta Press)

Para o Super Zé, que entregou o prêmio de revelação para Clayson na TV Gazeta, disse que torce muito para o meia. “Felizmente hoje ele está em um grande clube. A gente torce para que ele mantenha a disciplina. Mas ele já deu o primeiro passo, pois começar já sendo campeão é outra coisa. E futuramente, se ele se preparar e se cuidar, com certeza, poderá sonhar com seleção”, disse Zé Maria.

Outro que esteve presente na partida foi o atacante Marcão, e ex-companheiro de Clayson no Ituano e, atualmente, atua no Gyeongam da Coreia do Sul. O jogador, que terminou o campeonato da Liga Coreana como artilheiro, melhor atacante e melhor jogador da temporada, disse que ficou muito feliz pelo seu amigo fazer esse evento e, claro, o convidá-lo para participar.

Marcão vem se destacando na Coreia e é um dos melhores amigos de Clayson (Divulgação)

“Como melhor amigo dele na base do Ituano, ele me mandou mensagem me convidando e claro que estaria presente. E, se ele me convidar e fazer mais festas por aqui, estarei sempre presente. Fico, também, muito feliz com o crescimento dele aqui no Brasil e no Corinthians, atual campeão”, finalizou o jogador que fez 22 gols em 32 partidas.